TARRAFAL: Câmara aposta na formação de técnicos municipais

. Publicado em São Nicolau

A grande tónica das formações em curso é preparar os funcionários para servir as pessoas, como referiu José Freitas de Brito. Para o edil, tudo começa no atendimento e fazer uma gestão municipal para as pessoas é a linha de rumo traçada pela equipa camarária


 

Para o edil do Tarrafal, “quando se trabalha com pessoas com várias sensibilidades devemos estar preparados para dar as melhores respostas”, razão que leva José Freitas de Brito a acentuar ser muito importante estarmos preparados para servir as pessoas e tudo começa no atendimento”, pelo que a autarquia envolveu nestas formações um número considerável de funcionários municipais.

A Câmara do Tarrafal de São Nicolau está a apostar forte na formação e capacitação dos seus colaboradores, tendo em curso três ações de formação para técnicos municipais. O objetivo é optimizar os serviços prestando um cada vez melhor atendimento aos munícipes, seguindo a linha traçada pelo edil de colocar a autarquia ao serviço das pessoas.

As ações de formação, iniciadas esta segunda-feira, 10, prolongam-se durante o dia de hoje e versam componentes fundamentais para uma boa gestão de recursos humanos: “Mais liderança em seu estilo”; “Excelência no atendimento público com inteligência emocional”; e “Higiene e Segurança no Trabalho”.

Colocar os técnicos ao serviço das pessoas

“Mais Liderança em seu estilo” tem por objeto, segundo a autarquia, “explicar a importância da recompensa mútua, tanto para o líder como para o seguidor”, enumerando “as recompensas pessoais e gerais que os líderes desejam e que acreditam que seus subordinados querem”, bem assim “identificar as habilidades de comunicação que os formandos terão de melhorar para atingir os seus potenciais de liderança e explicar o papel do líder como tomador de decisões e estabelecer o próprio processo de tomada de decisões”, um tema recorrente em toda administração pública e local.

Melhorar o atendimento público

A “Excelência no atendimento público com inteligência emocional”, tem uma relação ainda mais direta com os munícipes que, muitas vezes, se queixam do deficiente atendimento nos balcões municipais, assumindo aqui a autarquia que os cidadãos devem ser entendidos como “clientes-utentes”, sendo necessário um esforço para “aumentar a sua satisfação através do uso dos princípios básicos de qualidade” demonstrando “como situações problemáticas podem ser transformadas em oportunidades para conquistar a preferência, a lealdade e desenvolver um melhor relacionamento com o público interno e externo” contribuindo “para a melhoria da qualidade, prontidão e eficácia do atendimento ao público aos cidadãos e empresas nos serviços da Câmara Municipal”, refere também a autarquia que considera essencial “capacitar os participantes [na formação] para boas práticas de atendimento” e “os profissionais de regras elementares para lidar com emoções perturbadoras e impulsos, e manter padrões de honestidade e integridade” contribuindo assim “para o desenvolvimento das suas competências emocionais”, visando novas práticas comportamentais nos colaboradores do município.

Apostar na segurança

Já no que toca à “Higiene e Segurança no Trabalho”, uma área de relação direta aos funcionários da autarquia, pretende-se “sensibilizar os colaboradores da importância da higiene, saúde e segurança no trabalho, ao mesmo tempo que pretende mostrar a importância da segurança pessoal, segurança do equipamento e segurança da instituição”, expressa também na capacitação de técnicas de manipulação de instrumentos de combate a incêndios, nomeadamente extintores.

Encontrar melhores respostas

Para o edil do Tarrafal, “quando se trabalha com pessoas com várias sensibilidades devemos estar preparados para dar as melhores respostas”, razão que leva José Freitas de Brito a acentuar ser muito importante estarmos preparados para servir as pessoas e tudo começa no atendimento”, pelo que a autarquia envolveu nestas formações um número considerável de funcionários municipais.

As ações de formação, ministradas por Nuno Melício, estão a decorrer no Centro Cultural Paulino Vieira.

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)