São Nicolau tem grandes potencialidades - Ulisses Correia e silva

Escrito por Editor JSN . Publicado em São Nicolau

Ulisses Correia e silva assumiu que caso seja eleito a primeiro-ministro em 2016 irá dotar a ilha e o país de um novo modelo de governação, apostar no crescimento e no emprego, acabar com o isolamento investindo em transportes que sirvam a economia e as pessoas, e priorizar setores chave como o turismo, a agricultura, a pecuária, as pescas, a indústria e a cultura

 


A conferência “Compromisso ilha de São Nicolau: Ganhar os desafios da próxima década”, foi realizada nesta sexta-feira, 25 no Centro Cultural Paulino Vieira, em Tarrafal de São Nicolau.

O crescimento de emprego também é um compromisso que Ulisses Correia e Silva mencionou durante a conferência. Depois de auscultar essa preocupação por parte dos jovens, o lider afirmou que a questão do desemprego ganha especial atenção na sua plataforma governativa.

A questão dos transportes, que neste momento está a ser muito debatida na ilha, também está na plataforma governativa, pois adianta que os transportes é importante para dinamizar a economia da ilha, por isso garante que pretende tirar a ilha do isolamento através de um bom sistema de transportes aéreos e marítimos.

"Se merecer a vossa confiança e a confiança dos Cabo-Verdianos em 2016, o isolamento desta ilha terminará. É uma emergência, pois sem transportes regulares de e para São Nicolau o desenvolvimento da ilha fica completamente bloqueado", afirmou Correia e Silva, lembrando que o isolamento da ilha de Chiquinho foi agravado com a redução do número de voos semanais da TACV.

O líder do MpD não tem dúvidas que São Nicolau tem grandes potencialidades, mas precisa de políticas acertadas para os sectores chaves do seu desenvolvimento, nomeadamente o turismo, a agricultura, a pecuária, as pescas e a indústria.

Mas de acordo com Ullisses Correia e Silva o turismo terá de ser um turismo de qualidade e de volume, para que possa gerar economia na ilha”. Entretanto, refere Correia e Silva, desenvolver o sector do turismo, não acontece sem se ter garantidas as condições de transporte, “com voos regulares para a ilha”.

"São Nicolau pode ambicionar atrair entre 5% a 10% dos turistas que chegam a Cabo Verde. Teríamos assim escala suficiente para fazer mudar o panorama económico e social da ilha", sustentou.

Ulisses Correia e Silva não tem dúvidas de que a agricultura é outro sector de grande potencialidade para a ilha, mas que não tem trazido economia para a ilha devido a falta de transportes. “A agricultura para ter sucesso tem de ter mercado o que é produzido na ilha tem de chegar aos grandes mercados do país. E mais uma vez coloca-se a questão dos transportes. O Ministério da Agricultura precisa ser muito mais pro-activo na sua intervenção, para melhorar as condições de produção de distribuição e chegada aos mercados", afirma.

As pescas também é considerado por Ulisses Correia e Silva como um sector potencial de desenvolvimento na ilha, mas para isso precisam ser criadas as condições para desenvolvimento, "Investimento em equipamentos de frio, apoios aos pescadores por exemplo na aquisição de GPSs, para sua segurança marítima".

 

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)