CARLOS CHILRITO: São Nicolau está num grupo “muito favorável” no campeonato nacional

Escrito por Editor JSN . Publicado em Grande Entrevista

Presidente da associação regional de futebol de São Nicolau analisa o grupo da sua ilha para o próximo campeonato nacional de futebol e admite que São Nicolau, diante dos possíveis adversários, tem “fortes possibilidades” de passar de fase

 




JSN entrevistou o presidente da associação regional de futebol de São Nicolau, com quem abordamos, nesta primeira parte, questões mais ligadas ao próximo campeonato nacional de futebol que arranca a 7 de abril.

 

Carlos Chilrito está “totalmente de acordo” com o novo modelo competitivo que a FCF põe em teste neste nacional e vai dizendo que os novos campeões regionais entram para a prova com cerca de 200 contos em caixa, graças à boa gestão da nova direção da FCF, liderada por Mário Semedo.



O líder associativo sublinha mesmo que este apoio financeiro é “muito bom” para os clubes.



São Nicolau segundo o nosso entrevistado está inserido num grupo “muito favorável” e como tal pode ir “muito longe”. Apesar de reconhecer que os jogos “ganham-se é no campo”, Chilrito está confiante em como o campeão da sua região desportiva tem “boas hipóteses” na presente edição do campeonato nacional de futebol. Confira a primeira parte da entrevista.



“Os jogos ganham-se é no campo”



JSN - Para o campeonato nacional de futebol, São Nicolau integra o grupo B juntamente com os campeões da Brava, Santo Antão Norte e Santiago Norte. Como classifica este grupo?


Carlos Chilrito - Grupo muito favorável e dado às boas prestações das equipas de São Nicolau nas últimas épocas, acho que temos fortes possibilidades de passar para a fase seguinte.


 
Podemos falar num sério candidato à partida ou é prematuro?


Acho prematuro, porque mesmo sendo um grupo acessível, os jogos ganham-se é no campo, mas estamos convencidos de que o nosso representante, seja quem for, tem boas hipóteses.


 
O que significa um bom campeonato nacional para a sua ilha?


O bom mesmo seria ser campeão nacional. Seria a primeira vez e seria um  prémio para a ilha que nos últimos tempos tem estado muito bem representado.


 
São Nicolau – FC Ultramarina - detém o estatuto de vice- campeão nacional na última época. Acredita que este ano é possível ir mais além?


Também o SC Atlético já esteve numa final, onde, a par do Ultramarina, mereciam o título. Posso dizer que o Atlético merecia também porque na altura, se o campeonato fosse por pontos, o Atlético seria campeão nacional. No entanto acho que quem for campeão da ilha, este ano terá hipóteses de ir muito longe e esperamos que esse longe seja ser campeão.


 
Durante a assembleia-geral da FCF realizada no último fim-de-semana, anunciou-se um conjunto de incentivos para o campeonato nacional. Desde logo o prémio de participação (50 mil escudos) aos clubes campeões regionais, o prémio por cada vitória (25 mil escudos), o apuramento para a fase seguinte (50 mil escudos), entre outros. Como encara estes anúncios da FCF?


Muito bom e irá ajudar, e muito, nas despesas do campeonato nacional, mas não é só isso. O campeão regional de cada ilha irá receber um prémio da FCF no valor de 150 mil escudos, mais os 50 mil escudos pela participação na prova, ou seja, começa com 200 mil escudos.



Há, no entanto, um novo figurino para o campeonato nacional, num modelo de todos contra todos a duas mãos, na primeira fase, e para as meias-finais um novo sorteio irá ditar quem joga contra quem mas sempre a duas mãos. Satisfaz este modelo?


Sim, nós estamos totalmente de acordo, mas a Federação vai apresentar um novo figurino para a próxima época que será ainda muito melhor, creio eu. Mas esse modelo também é muito bom.



 
A grande final do campeonato passa a ser a uma mão e pode calhar num estádio neutro aos dois emblemas em disputa. Esta situação não tira brilho àquela disputa?


Não.


Pode cair num campo neutro ou não, devo dizer que o campo da final vai ser escolhido antes do arranque da prova o que, se por ventura, cair num campo em que uma das equipas esteja na final, será mera coincidência porque foi escolhido antes, mas também pode cair num campo neutro.


 
São Nicolau tem interesse em sedear uma final do campeonato nacional?


Se os responsáveis máximos da ilha, e aqui refiro-me às câmaras municipais, assumirem, sim e seria um prémio não só para as equipas mas principalmente para a população que gosta muito do futebol.


 
Já agora que mensagem deixa aos adeptos do futebol em São Nicolau para a prova nacional.


Para apoiarem a equipa, seja ela quem for, porque o que está em jogo é o futebol de São Nicolau, é a ilha no seu todo.

 

 

 

comments

Comentários (0)

Cancel or

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Edição em papel

Brevemente disponível
para download em PDF
(Gratuito)